Foto: Acervo/Bracell

P U B L I C I D A D E

Moradores de Prata, comunidade rural de Entre Rios (BA), conseguiram recuperar a nascente de um dos afluentes do Rio Subaúma que fica na região. O trabalho de regeneração e sensibilização, que envolve de crianças a idosos da Prata, teve início em 2014 e já resultou no plantio de mais de 1.500 mudas nas matas ciliares.

“Os primeiros moradores cultivavam arroz devido à riqueza hídrica”, conta Maria José Almeida de Jesus, 45 anos, bióloga e presidente da associação de moradores local. A restauração da nascente contou com apoio da Bracell, empresa especializada em celulose solúvel.

P U B L I C I D A D E

“A recuperação da cabeceira – que já é percebida pelos moradores, principalmente em período de seca –, é extremamente importante, porque garante mais uma fonte para as 82 famílias da comunidade, que atualmente precisam do poço artesiano para ter água em suas casas”, completa Maria, que diz ter cursado biologia para ajudar a comunidade na preservação ambiental.

Ela acrescenta ainda que o poço é dividido com uma comunidade vizinha e que, em período de escassez hídrica, os moradores recorrem aos pontos de água resultantes do trabalho da recuperação da nascente, como o existente próximo à sua casa. “Esta água é um bom exemplo do cuidado com este manancial”, pontua ela. O rio Subaúma tem quase 100 quilômetros de extensão e divide os municípios de Alagoinhas e Aramari.

P U B L I C I D A D E

Luísa Fragão
Jornalista e estudante de Ciências Sociais na FFLCH-USP. Vegetariana desde os 16 anos. Acredita que a vida sem crueldade animal é muito mais ética, sustentável e saudável. É subeditora do Portal Veg.