P U B L I C I D A D E

Da Revista Fórum

Criticado por ter adotado uma postura conservadora na COP-25, a conferência do clima da ONU, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, fez uma postagem em suas redes ironizando ambientalistas. Salles postou a foto de um prato de churrasco e disse que estaria aderindo ao vegetarianismo para “compensar” as emissões na COP.

“Para compensar nossas emissões na COP, um almoço veggie”, publicou o ministro. Salles foi visto como “vilão” na conferência após o Brasil fazer um giro de 360º na diplomacia ambiental e abandonar o protagonismo que vinha tendo nos últimos anos ao conduzir acordos climáticos que buscavam uma redução nas emissões de gases de efeito estufa.

Mais cedo, ele fez uma postagem afirmando que a COP “não deu em nada”. “Países ricos não querem abrir seus mercados de créditos de carbono. Exigem medidas e apontam o dedo para o resto do mundo, sem cerimônia, mas na hora de colocar a mão no bolso, eles não querem. Protecionismo e hipocrisia andaram de mãos dadas, o tempo todo”, disse ainda.

P U B L I C I D A D E

Preço da carne

Além da ironia com o veganismo, o pratão de carne postado por Salles em Madri, onde foi o encontro, contrasta com o vertiginoso aumento do preço do alimento no Brasil. A alta na carne é defendida por Bolsonaro.

P U B L I C I D A D E