Foto: Instagram/ @unilever

A multinacional Unilever investiu 94 milhões de dólares em um centro de inovação em alimentos na Holanda. O local, chamado de “The Hive” tem o objetivo de incentivar a pesquisa e produção de alimentos tecnológicos sem presença de componentes de origem animal.

O local contará com a contribuição de pesquisadores acadêmicos, startups e outros parceiros para a formulação de novos produtos, que incluem carne vegetal e embalagens sustentáveis.

Segundo o CEO Alan Jope, é preciso mudar a cadeia de produção de alimentos mundial para alimentar mais de 9 bilhões de pessoas de forma eficiente, sustentável e nutritiva. “Má-nutrição, obesidade, mudanças climáticas e desperdício de comida são assuntos que só podem ser melhorados se trabalharmos em parceria para acelerar tecnologia e inovação”, disse. Para ele, a construção do centro global de desenvolvimento e pesquisa permitirá exatamente isso.

O prédio da Unilever tem, segundo a empresa, a mais alta certificação para edifícios sustentáveis, a “BREEAM-NL Outstanding”. Grande parte do seu interior é acessível ao público geral.

A região onde o centro funcionará é famosa pelos seus investimentos em agricultura e produção alimentar inovadoras e de alta tecnologia.