(Foto: MPBA)

A Associação Brasileira dos Médicos Vegetarianos se posicionou no Instagram em defesa do programa Escola Sustentável, que vem recebendo críticas e tentativas de impedimento legal.

No texto, a ABMV afirma que a alimentação com base em vegetais é completamente nutritiva e auxilia na manutenção da saúde a longo prazo, além de ser benéfica para o meio ambiente. Segundo a Associação, nutrientes como ferro e ômega 3 podem ser facilmente encontrados em alimentos de origem vegetal e, no Brasil, as crianças sofrem tanto com desnutrição quanto com obesidade. Nesse contexto, é fundamental o papel das escolas na instituição de políticas que promovam a melhor alimentação.

O programa foi estabelecido pelo Ministério Público da Bahia e busca inserir gradualmente a alimentação com base vegetal no cardápio semanal das crianças. Para isso, retira os alimentos de origem animal do preparo das refeições oferecidas pela rede municipal de quatro cidades do Sertão do estado, em alguns dias da semana.

Confira a nota dos médicos vegetarianos:

#programaescolasustentavel proposto pelo @mpdabahia visa adequação nutricional da Alimentação Escolar em quatro cidades do Sertão da Bahia.

? Dentre outras ações intenta-se melhorar a quantidade, qualidade e o sabor dos alimentos nas escolas municipais.

? Vários estudos têm demonstrado os benefícios de uma Alimentação Baseada em Plantas, seja pelo maior consumo de vegetais ou gradativa retirada de itens de origem animal da dieta costumaz.

? As vantagens são claras: diminuição de frequência e mortes por doenças crônicas não transmissíveis tais como diabetes, infarto, derrame, câncer, entre outras.

? A alimentação baseada em vegetais bem planejada contém todos os nutrientes necessários em todas as fases da vida.

?? Proteínas vegetais fornecem aminoácidos essenciais, especialmente em refeições mistas (feijão com arroz, por exemplo) e suprem necessidades corporais em qualidade e quantidade.

? Estudos mostram que ingerir carnes é insuficiente para evitar ou mesmo tratar anemia por deficiência de ferro, principalmente na infância, faixa etária bastante acometida por esta carência nutricional. Este mineral é amplamente distribuído no reino vegetal e tem nas folhas verdes escuras e nos feijões sua principal representação. Já as maiores fontes de ômega 3 são alimentos de origem vegetal e não peixes.

?? O Brasil e muitos outros países em desenvolvimento sofrem com os dois lados das más escolhas alimentares: desnutrição e excesso de peso. Crianças e adolescentes brasileiros tem ganhado peso excessivamente, nas cidades e no campo, segundo o IBGE e o estudo ERICA, aumentando as doenças cardíacas.

? A OMS recomenda combate à obesidade infantil com alimentação saudável e atividade física e destaca o papel da Escola em políticas públicas.

?Pesquisadores acreditam na eficácia de estratégias para reduzir a frequência e consequências deletérias das doenças cardiovasculares a nível populacional entre jovens.

? Baseada em robustas evidências cientificas sobre segurança e benefícios da alimentação baseada em vegetais, a Associação Brasileira dos Médicos Vegetarianos apoia o Programa Escola Sustentável!

View this post on Instagram

? O #programaescolasustentavel proposto pelo @mpdabahia visa adequação nutricional da Alimentação Escolar em quatro cidades do Sertão da Bahia. . ? Dentre outras ações intenta-se melhorar a quantidade, qualidade e o sabor dos alimentos nas escolas municipais. . ? Vários estudos tem demonstrado os benefícios de uma Alimentação Baseada em Plantas, seja pelo maior consumo de vegetais ou gradativa retirada de itens de origem animal da dieta costumaz. . ? As vantagens são claras: diminuição de frequência e mortes por doenças crônicas não transmissíveis tais como diabetes, infarto, derrame, câncer, entre outras. . ? A Alimentação baseada em vegetais bem planejada contém todos os nutrientes necessários em todas as fases da vida. . ?? Proteínas vegetais fornecem aminoácidos essenciais, especialmente em refeições mistas (feijão com arroz, por exemplo) e suprem necessidades corporais em qualidade e quantidade. . ? Estudos mostram que ingerir carnes é insuficiente para evitar ou mesmo tratar anemia por deficiência de ferro, principalmente na infância, faixa etária bastante acometida por esta carência nutricional. Este mineral é amplamente distribuído no reino vegetal e tem nas folhas verdes escuras e nos feijões sua principal representação. Já as maiores fontes de ômega 3 são alimentos de origem vegetal e não peixes. . ?? O Brasil e muitos outros paises em desenvolvimento sofrem com os dois lados das más escolhas alimentares: desnutrição e excesso de peso. Crianças e adolescentes brasileiros tem ganhado peso excessivamente, nas cidades e no campo, segundo o IBGE e o estudo ERICA, aumentando as doenças cardíacas. . ? A OMS recomenda combate à obesidade infantil com alimentação saudável e atividade física e destaca o papel da Escola em políticas públicas. . ?Pesquisadores acreditam na eficácia de estratégias para reduzir a frequência e consequências deletérias das doenças cardiovasculares a nível populacional entre jovens. . ? Baseada em robustas evidências cientificas sobre segurança e benefícios da alimentação baseada em vegetais, a Associação Brasileira dos Médicos Vegetarianos apoia o Programa Escola Sustentável!

A post shared by Médicos Vegetarianos (@medicosvegetarianos) on