P U B L I C I D A D E

Aplicativos de relacionamento são muito populares nos dias de hoje e há quem ame utilizar essa ferramenta e, de um jeito ou de outro, quem não os utiliza ao menos já ouviu falar. Veganos e vegetarianos contam com uma ferramenta exclusiva para conhecer pessoas: é o Veggly, aplicativo de relacionamento para quem segue esse estilo de vida.

O Veggly segue os mesmos princípios que os apps comuns e busca, basicamente, juntar pessoas que tenham pensamentos e estilos de vida semelhante. Porém, nesse caso, um grande passo em direção a esse objetivo já é tomado pelo simples fato de o aplicativo se restringir a pessoas que levam em conta, na alimentação e na vida, a proteção dos animais e do meio ambiente.

P U B L I C I D A D E

O app foi lançado em outubro de 2018 pelo engenheiro Alex Felipelli. Mesmo sendo brasileiro, o Veggly foi lançado a princípio em inglês, e a sua versão em português chegou apenas em fevereiro deste ano. Ao portal Universa, Felipelli contou que a ideia para a criação do aplicativo veio de uma experiência pessoal: “Quando estava solteiro, tinha dificuldade em me relacionar com onívoros até conhecer minha namorada que também é vegana. Além disso, conheço muitas pessoas veganas e vegetarianas que preferem se relacionar com alguém que pense da mesma forma”.

A ideia vem dando certo, e muitos dos usuários parecem pensar de maneira parecida. O Universa também recolheu depoimentos para entender melhor o pensamento de quem utiliza esse aplicativo. Para Patrícia Brum, de 19 anos, relacionar-se com alguém que come carne pode ser muito complexo e trazer problemas. “Você vai a um restaurante e não há o que comer ou, se tem, é um cardápio muito limitado, o mesmo acontece ao ir a uma loja e o vendedor não entender que você quer algo simples e sustentável. Muitas vezes, ao expor sua opinião, você é criticado e ironizado”, afirmou. É muito bom saber que pessoas que vivem próximas, que você nem imaginava, compartilham desse pensamento com você.”

P U B L I C I D A D E

José Dornela, de 32 anos, pensa de forma parecida. Ele terminou um relacionamento devido a problemas ocasionados pela diferença de pensamento em relação ao vegetarianismo. “Infelizmente, alguns relacionamentos terminam e círculos sociais se fecham quando se é vegetariano ou vegano. O aplicativo é bom por me aproximar de pessoas com pensamento e ideologia parecidos com os meus”, disse. Ele também sente que esse tipo de iniciativa é importante para que as pessoas se conectem para além das relações afetivas, de forma a fazer o movimento se ampliar e consolidar.

Já para Wil Lemansch, 38, embora o app seja útil, a diferença na alimentação e estilo de vida não é necessariamente um obstáculo para se relacionar com alguém. “Veganismo é uma questão de consciência. Não é possível obrigar que todos pensem da mesma forma. Então, se eu conhecer alguém que não seja vegano, mas que não seja fechado às questões ambientais e direitos animais, poderia, sim, namorar com essa pessoa.” Apesar disso, ele também considera a experiência com o app positiva.

O Veggly não é o único aplicativo para relacionamentos específico para veganos e vegetarianos. No Brasil, existe também o Namoro Vegano, que funciona de forma semelhante.

P U B L I C I D A D E