Foto: freeimages.com

P U B L I C I D A D E

Um estudo publicado na revista The Journal of Child Nutrition & Management revelou que refeições veganas oferecidas para as crianças eram mais nutritivas do que as tradicionais. Os testes foram aplicados em escolas de Washington, nos Estados Unidos.

Foram introduzidas 6 opções veganas em escolas, atendendo mais de 500 crianças entre 5 e 14 anos. O proposta foi organizada pelo grupo Physicians Committee for Responsible Medicine (PCRM), Comitê de Físicos para Medicina Responsável, em português, em parceria com a Cozinha Central de DC.

P U B L I C I D A D E

Segundo o portal VegNews, o diretor de Educação Nutricional do PCRM, Susan Levin, disse que o estudo descobriu que o oferecimento de opções veganas contribui para a manutenção da saúde das crianças: “Nosso programa piloto mostrou que servir opções vegetais no almoço pode ajudar crianças a conseguir mais dos nutrientes que elas precisam para ficar saudáveis”.

Os pratos veganos continham, em média, 9,5 gramas de fibras, enquanto os tradicionais apresentavam apenas 2,8 gramas. Calcula-se que 90% das crianças não consumiam a quantidade adequada desse tipo de nutriente. Além disso, as refeições veganas também apresentavam maiores quantidades de ferro, cálcio e vitaminas A e C. Também continham menos gorduras saturadas do que as opções tradicionais.

P U B L I C I D A D E

A pesquisa também analisou os níveis de desperdício de comida, e a média registrada nessas escolas não foi maior que a média nacional dos Estados Unidos. Isso significa que as crianças aceitaram bem as opções veganas. “O programa mostrou que as opções vegetais não são apenas saudáveis, mas que também são populares entre os estudantes”, disse Levin. Para ele, os tempos em que refeições de baixa qualidade eram servidas e escolhidas nas escolas. “Os estudantes de DC estão escolhendo encher as suas bandejas com refeições como tofu com arroz integral e brócolis e melancia cultivados localmente. Nós esperamos que o nosso programa piloto encoraje escolas ao redor do país a adicionar refeições veganas, que promovem saúde, nos seus menus.”

Atualmente, há legislações sobre o oferecimento de refeições veganas nas escolas nos estados de Nova York e Califórnia.

Leia também: Pediatra vegano explica cuidados necessários para o vegetarianismo na infância

P U B L I C I D A D E